sexta-feira, 14 de outubro de 2011

ANOS 50 RITCHIE VALENS:OS PIONEIROS DO ROCK

Ricardo Esteban Valenzuela Reyes, mais conhecido como Ritchie Valens (13 de Maio de 19413 de Fevereiro de 1959) foi um músico descendente de mexicanos, nascido em Pacoima (Vale de São Fernando), no subúrbio de Los Angeles, Califórnia, Estados Unidos.


Ficou famoso interpretando músicas de rock. Seu grande sucesso foi a canção "La Bamba", que mais tarde nomearia um filme sobre sua vida. Também fora regravada pelo grupo Los Lobos.



Durante a chamada Era Rockabilly, a carreira de Ritchie Valens estava em ascendência.





No entanto, em 3 de fevereiro de 1959, Buddy Holly, Big Bopper e Valens morreram em um acidente de avião.


Após uma performance no Surf Ballroom em Clear Lake, Iowa, o pequeno avião Beechcraft Bonanza no qual viajavam entrou em uma tempestade de neve cega e bateu no milharal de Albet Juhl, algumas milhas depois, às 1:05 da manhã. Esse incidente ficou conhecido como "o dia em que a música morreu", retratado posteriormente na canção American Pie, de Don McLean.


Torta Americana

Há muito, muito tempo atrás...
Eu ainda consigo me lembrar
Como aquela música me fazia sorrir.
E sabia que se eu tivesse minha chance
Eu poderia fazer aquelas pessoas dançarem
E, talvez, elas seriam felizes por um momento.

Mas fevereiro me fez tremer
Com cada jornal que eu entreguei.
Más notícias na porta ;
Eu não podia dar mais nenhum passo.

Eu não consigo lembrar se eu chorei
Quando eu li sobre a viúva dele,
Mas algo me comoveu profundamente
O dia que a música morreu.

Refrão: Então, tchau tchau, Miss American Pie
Dirigi meu Chevy até a barragem
Mas a barragem estava seca
E eles, bons garotos, estavam bebendo uísque e centeio
Cantando "Este será o dia que eu morrerei"
"Este será o dia que eu morrerei"

Você escreveu o livro do amor?
E você tem fé em Deus?
Se a Bíblia te dizer que é assim,
Você acredita em Rock n' Roll?
A música pode salvar sua alma mortal?
E você pode me ensinar a dançar bem devagar?

Bem, eu sei que você está apaixonada por ele
Pois eu vi vocês dançando no ginásio
Vocês dois tiraram os sapatos
Cara, eu entendo o "rhythm and blues"

Eu era um adolescente solitário e desajeitado
Com um cravo rosa e uma caminhonete,
Mas eu sabia que estava sem sorte
No dia em que a música morreu

Nós estávamos cantando
Tchau tchau, Miss American Pie
Dirigi meu Chevy até a barragem
Mas a barragem estava seca
E eles, bons garotos, estavam bebendo uísque e centeio
Cantando "Este será o dia que eu morrerei"
"Este será o dia que eu morrerei"

Agora por 10 anos nós estivemos sozinhos
E musgo cresce numa pedra rolante
Mas não era assim antes
Quando o bobo da corte cantou para o rei e a rainha
Com um casaco que ele pegou emprestado do James Dean
E uma voz que veio de nós,

Oh, e enquanto o rei estava olhando para baixo
O bobo da corte roubou sua coroa de espinhos
A corte judicial foi adiada
Nenhum veredicto foi retornado
E enquanto Lenin lia um livro de Marx
O quarteto praticava no parque
E nós cantamos lamentações no escuro
O dia que a música morreu

Nós estávamos cantando,
Tchau tchau, Miss American Pie
Dirigi meu Chevy até a barragem
Mas a barragem estava seca
E eles, bons garotos, estavam bebendo uísque e centeio
Cantando "Este será o dia que eu morrerei"
"Este será o dia que eu morrerei"

Helter Skelter num verão abafado
Os pássaros voaram com abrigo
Oito milhas de altura e caindo rápido
Pousou na grama
Os jogadores tentaram um passe para frente
Com o bobo da corte no campo

Agora o ar do primeiro tempo foi doce perfume
Enquanto os sargentos tocavam uma marchinha
Todos nós levantamos para dançar
Oh, mas nós nunca tivemos chance
Porque os jogadores tentaram tomar o campo
A banda da marchinha se recusou a desistir
Você se lembra o que foi revelado
No dia que a música morreu?

Nós estavamos cantando
"Tchau tchau, Miss American Pie
Dirigi meu Chevy até a barragem,
Mas a barragem estava seca.
E eles, bons garotos, estavam bebendo uísque e centeio
Cantando "Este será o dia que eu morrerei."
"Este será o dia que eu morrerei."

Oh, e lá estávamos nós num único lugar
Uma geração "Perdida no Espaço"
Sem tempo para recomeçar
Então, vamos, Jack, seja ágil, Jack, seja rápido
Jack Flash sentou num castiçal
Porque o fogo é o único amigo do diabo

Oh, e enquanto eu o via no palco
Minhas mão estavam cerradas em punhos de raiva
Nenhum anjo nascido no inferno
Poderia quebrar o feitiço do Satanás
E enquanto as chamas subiam pela noite
Para iluminar o ritual de sacrifício
Eu vi o Satanás rir com satisfação
No dia que a música morreu

Ele estava cantando,
"Tchau tchau, Miss American Pie
Dirigi meu Chevy até a barragem,
Mas a barragem estava seca.
E eles, bons garotos, estavam bebendo uísque e centeio
Cantando "Este será o dia que eu morrerei."
"Este será o dia que eu morrerei."

Eu conheci uma garota que cantava blues
E eu pedi a ela umas boas notícias
Mas ela só deu um sorriso e foi embora
Eu fui à loja sagrada
Onde eu tinha escutado a música anos atrás
Mas o homem lá disse que a música não tocaria

E nas ruas as crianças gritavam
Os amantes choravam e os poetas sonhavam
Mas nenhuma palavra foi dita
Os sinos da igreja estavam todos quebrados
E os três homens que eu mais admirava
O Pai, o Filho e o Espírito Santo
Pegaram o último trem para o litoral
No dia em que a música morreu.

E eles estavam cantando,
"Tchau tchau, Miss American Pie
Dirigi meu Chevy até a barragem,
Mas a barragem estava seca.
E eles, bons garotos, estavam bebendo uísque e centeio
Cantando "Este será o dia que eu morrerei."
"Este será o dia que eu morrerei."

Eles estavam cantando,
"Tchau tchau, Miss American Pie
Dirigi meu Chevy até a barragem,
Mas a barragem estava seca.
E eles, bons garotos, estavam bebendo uísque e centeio
Cantando "Este será o dia que eu morrerei."

O roqueiro brasileiro Raul Seixas preferiu dizer que o dia 3 de fevereiro de 1959 foi "o dia em que o rock bateu as botas".

Com tal afirmação, Seixas sugeria que a morte precoce dos músicos deixou o rock sem uma possível significativa contribuição, que poderia influenciar tudo o que é hoje conhecido acerca deste estilo musical.

Ritchie Valens, durante sua breve carreira, produziu dois álbuns.



Quando se interessou pelo rock, Valens já possuia uma base musical sedimentada no pop, no jazz e na música folclórica mexicana, apesar de não falar bem a língua espanhola.


O início






Ao completar 15 anos, comprou sua primeira guitarra e, em 1957, já com 16 anos, formou uma banda chamada Satellites, formada por dois negros, um americano de ascendência mexicana e um de origem japonesa.

Meses depois, Valens foi descoberto por Bob Keane. Após 60 tentativas (como descritas no filme La Bamba) conseguiu chegar ao take definitivo de "Come On Let's Go" e, assim, chegou às lojas seu primeiro compacto, já com o seu nome artístico.


No segundo semestre de 1958, sua carreira tomou um grande impulso quando participou do filme Go Johnny Go e logo depois produziu seus dois grandes hits: "Donna", uma balada romântica que fizera para uma paixão de colégio (que alcançou o segundo lugar nas paradas norte-americanas), e "La Bamba", que é a releitura de uma canção folclórica mexicana, de mesmo nome, a qual tomou a decisão de gravá-la após cruzar a fronteira e dar um passeio em Tijuana.


Outras baladas que fizeram deste jovem artista conhecido no cenário musical "Ooh! My Head" e o cover de "We Belong Together", que chegaram às mais altas paradas de sucesso dos Estados Unidos.


MUSICAS


Após sua morte, pouco do material inédito disponível de Valens foi lançado em disco.


Ritchie Valens
Informação geral
Nome completo Ricardo Esteban Valenzuela Reyes
Nascimento 13 de Maio de 1941
Origem Pacoima, Califórnia
País Estados Unidos
Data de morte 3 de fevereiro de 1959 (17 anos)
perto de Clear Lake, Iowa
Estados Unidos
Gêneros Rock and Roll, Rockabilly, Rock Latino
Instrumentos Vocal, Guitarra
Período em atividade 19571959
Gravadora(s) Del-Fi Records
Página oficial http://www.ritchievalens.com/
video

Nenhum comentário:

Postar um comentário